Anabolizantes: quando usar?

anabolizantes2

O que são anabolizantes?

Os anabolizantes (ou esteróides anabolizantes) são substâncias que aumentam a massa muscular e podem diminuir a massa gorda. Os principais anabolizantes são derivados da testosterona, hormônio produzido naturalmente pelo homem (em grandes quantidades) e pela mulher (em pequenas quantidades).  A testosterona é responsável por muitas das características que diferem homem e mulher.

Qual o efeito da testosterona?

A testosterona é responsável, por exemplo, pela maior quantidade de pelos e barba, maior espessura das cordas vocais (deixando a voz grave), maior força e massa muscular, e ossos mais fortes nos homens. Os anabolizantes derivados da testosterona têm efeitos semelhantes a esse hormônio. É para buscar o aumento de massa muscular, que muitos homens e mulheres tomam ou injetam anabolizantes.

O anabolizante pode afetar o comportamento?

O uso de doses excessivas de anabolizantes é capaz de causar comportamento agressivo, com mudanças no humor ao longo do dia. Em alguns casos, nota-se o surgimento de depressão quando ocorre a interrupção do uso.

 Anabolizante com fins estéticos ou esportivos

Em geral, as pessoas que utilizam drogas para aumentar o rendimento no esporte ou para fins estéticos fazem o uso de diferentes tipos de anabolizantes e doses muito altas. Nestes casos, usados sem indicação médica, eles podem acarretar inúmeros efeitos colaterais, como acne e calvice precoce, elevação da pressão arterial, alterações cardíacas, lesão do fígado de gravidade variada (podendo promover o surgimento de tumores hepáticos ou mesmo falência hepática grave ou até fatal). Nos homens, pode ocorrer atrofia dos testículos (às vezes irreversível), diminuição da produção de espermatozóides e aumento das mamas (ginecomastia). Após o término do uso dos anabolizantes, os homens podem apresentar disfunção sexual (queda de libido e impotência).

Os anabolizantes também afetam as mulheres?

Nas mulheres, os anabolizantes podem ser ainda mais deletérios. Pode ocorrer aumento do tamanho do clitóris, irregularidade menstrual, infertilidade, redução do volume das mamas, engrossamento da voz e surgimento de pelos em quantidade excessiva e em áreas onde apenas homens têm pelos, como na face e tórax. Como as mulheres produzem normalmente pouca testosterona, o uso de anabolizantes pode ser devastador na sua saúde e causar até a morte.

O uso do anabolizante afeta o crescimento de adolescentes?

O consumo de anabolizantes por adolescentes tem aumentado significativamente. Nos jovens, o uso de anabolizantes pode acarretar o fechamento precoce das cartilagens de crescimento, o que pode levar ao prejuízo do crescimento e a perda da altura prevista.

O uso de anabolizantes é legal?

Em função do uso abusivo e desses riscos, a prescrição e venda de anabolizantes é controlada em diversos países, como no Brasil, nos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido, na tentativa de restringir o uso indiscriminado desses substâncias potencialmente danosas. No Brasil, é necessário a prescrição médica em receituário controlado para a compra de derivados da testosterona. Entretanto, existe um comércio ilegal de venda desses medicamentes sem receituário médico e, em alguns casos, produtos que não são registrados no Brasil. O comércio de drogas anabolizantes pela internet está aumentando cada vez mais. Infelizmente, muitos esportistas fazem uso sem supervisão médica, pondo em risco a sua saúde e vida, na tentativa de promover aumento da massa muscular e a melhora da imagem corporal.

Quando usar

A testosterona e seus derivados podem ser utilizados com supervisão médica em determinadas situações, como nos casos de homens com deficiência da produção de testosterona, chamado de HIPOGONADISMO.

Os principais sinais e sintomas são cansaço, indisposição, desânimo, redução da frequência e da intensidade de ereções, redução de libido, alteração do sono, aumento da gordura abdominal. Outra alteração importante que ocorre nos homens com testosterona baixa é a fragilidade óssea, podendo causar até osteoporose e fraturas ósseas.

Caso você apresente sintomas de deficiência de testosterona, procure um médico endocrinologista para uma avaliação adequada.

Quais os efeitos do anabolizante falsificado e o de uso veterinário?

Outro cuidado especial que deve ser tomado é que muitas vezes, os medicamentos comprados ilegalmente podem ser falsificadas, misturadas com substâncias tóxicas ou ainda de uso veterinário, o que pode trazer riscos adicionais à saúde do usuário. Em função desses riscos, existe no Brasil uma legislação própria dificultando o uso de anabolizantes, sob risco de penalidades graves case seja constatado seu uso no exame antidopping em competições esportivas.

Referencia:

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabolismo